Como Reiniciar Sua Mente e Fazer as Mudanças Corretas

Tudo Começa Em Nossa Mente Com Uma Ideia!

Todos os órgãos do nosso corpo é super importante, mas nossa mente controla tudo e nós, dedicamos pouco ou nenhum tempo a ela. Eu acredito que ela vive ao “deus dará”

Nesse artigo vamos ver o que Bonsai tem a ver com nossa vida. Seria o tamanho?

Mente-800x600 Como Reiniciar Sua Mente e Fazer as Mudanças Corretas

Nossa mente é o melhor processador de dados que existe na face da terra. É nela que estão registrados todos eventos, momentos felizes ou tristes de nossos dias.

E como representar tudo o que as pessoas fazem, mesmo que elas não se deem conta do que estão fazendo? “Mudanças” seria uma palavra ideal.

Constantemente, mesmo sem querer, estamos mudando. A cada segundo é feito uma mudança em nossa vida, em nosso corpo. Mudamos mesmo sem perceber, conforme você ouve algo, que goste ou não a substancia “hormônio” entra em sua corrente sanguínea. Isso trás mudança.

Mudança faz parte da nossa vida. Estar escrevendo esse artigo, me faz refletir e, reflexão trás mudanças que são registradas em nossa mente.

De repente, você encontra alguém que não via há muito tempo, desse encontro dá-se um abraço afetuoso. Tudo é registrado em nossa mente, traduzindo-se em mudança.

Esse encontro trouxe mudanças emocionais para ambas as pessoas. Veja que estou escrevendo sobre mudanças “sutis”.

Para você que está lendo, mesmo que não perceba, algo pode estar mudando dentro de você, pois tudo muda o tempo todo.

Eu ouvi falar que um homem não mergulha seu pé num mesmo rio duas vezes. Primeiro porque na segunda vez, o rio não é mais o mesmo, suas águas já passaram e a atual é outra. Segundo, esse homem também mudou, é no mínimo um segundo mais velho.

Mudanças…mudanças…mudanças…

Estamos mudando o tempo todo e, nossa mente registrando tudo. Você já parou para pensar que tem pessoas no universo que veio para mudar nossas vidas? Essas pessoas tem o dom de influenciar significativamente nossos passos = nossos pais.

Pare e pense, se você em algum momento da sua vida, não falou, pensou ou fez algo que seus pais fizeram. Geralmente o filho quer ser igual ao pai – tem esse como modelo.

A filha a mesma coisa.

De repente você incorpora as atitudes deles. Essas atitudes foram adquiridas no passado

Mudanças…Mudanças…Mudanças…Mente

De qualquer jeito, você ganhou, você adquiriu contribuições materna e paterna. Contudo, muitas vezes vamos nos pegar falando mal de nossos pais. Eu ouvi uma história de um pé de “goiabeira” e achei bem interessante:

O narrador dizia que no fundo de sua casa tinha um pé de goiaba. Esse pé de goiabeira, era para ele e seu irmão um “playground”, durante muitos anos, esses dois garotos brincavam como “macacos” pulando de galho em galho e claro, comendo as deliciosas “goiabas” daquele pé.

Até que um dia chega a triste noticia, seu pai diz; “temos que arrancar o pé de goiabeira, pois suas raízes estão estragando a tubulação da nossa casa e, não tem como mudar essa decisão.

Decisões, nos levam a “mudança”. Para esses dois garotos, sua mente e coração foram invadidos por uma grande tristeza. E um dia antes do arranque, os dois foram se despedir de sua amiga de longos anos.

Maravilhados, eles viram uma única goiaba, grande, linda, maravilhosa e apetitosa. Eles nunca tinham visto uma como aquela. A primeira atitude foi de subir no pé a pegá-la.

Quando no chão, veio a indecisão, na mente criativa dos dois garotos surge uma duvida e junto com dela o medo de comer aquele fruto. Um disse ao outro; e se estiver envenenada? E se ela quiser se vingar, pois vai ser arrancada? Antes vamos falar com papai!

Pês Programadores Geram  Mudanças

Junto ao seu pai contaram a história do único fruto, delicioso, saboroso que a sua amiga estava lhes ofertando. E que, surgiu do nada o medo daquele fruto estar envenenado. O pai sorrindo disse; Filhos, sua amiga sabendo que seria arrancada, deve ter colocado o melhor de si, ela quer ser lembrada como uma boa arvore por dar bons frutos.

Ao ouvir essas palavras a mente dos garotos reiniciou, as palavras de seu pai fez todo medo desaparecer e a deliciosa goiaba foi dividida e saboreada com muito gosto e amor. Claro, com mudanças emocionais.

Nós temos “pês” programadores, não só de nossos pais. Mas, de padres, pastores, políticos, professores, propaganda, parceiros, pares amorosos, eles podem programar nossa mente. Até mesmo esse artigo que estou escrevendo e que você está lendo, vai trazer mudança na sua mente.

Quem busca mudanças, sempre está fazendo, lendo ou ouvindo algo. Porém, não se engane, assim como tem os pês positivos, também tem os pês negativos.

Nossa mente é constantemente bombardeada por tempestades de programações. Mas, ao mesmo tempo você precisa e deve perceber o quanto podemos e devemos “reprogramar” nossa mente, é desse jeito que vamos limpar as programações que não são boas e captar aquelas que são poderosas.

Eu li e ouvi, que alguém escreveu e falou; “A maior descoberta da sua geração é que, você pode mudar sua vida, mudando sua mente”.

Nossa mente é poderosa, mas tende a ficar ou no passado ou no futuro. Ela precisa ser gerenciada e dirigida caso contrário vira uma “medusa” e pode destruir sua vida. Você precisa aprender a acalmar sua mente.

A seguir vamos falar sobre o não crescimento de uma goiabeira, o que acontece quando podamos erradamente uma arvore e o que acontece com a falta d’água e adubo. Vamos fazer uma reflexão, trazendo tudo para nossa mente e vida. Continue lendo.

O Que é Um Bonsai

A palavra “Bonsai”, muitas vezes é escrita de forma errada como Bonzai, Banzai. É um termo japonês que, traduzido literalmente, significa “plantado em uma bandeja”.

Esta forma de arte é derivada de uma prática chinesa antiga de horticultura, parte da qual foi, então, reconstruída sob a influência do zen-budismo japonês. Isto aconteceu há pelo menos mais de mil anos.

O objetivo final de se cultivar um Bonsai é criar uma representação miniaturizada, porém realista, da natureza, na forma de uma árvore. Na realidade, os Bonsais não são plantas geneticamente transformadas em anãs, sendo que qualquer espécie de árvore pode ser utilizada para se cultivar como Bonsai.

As pessoas cortam suas raízes, seus galhos e folhas, colocam terra e adubo de forma reduzida. Essa prática faz com que a goiabeira não cresça e faz com que ela fique pequena, minúscula.

Você percebe que apesar de ser uma arte, delicada, bonita, que vem lá do oriente, é uma “metáfora” triste que trás uma ideia melancólica. Trazendo para nossa vida, vemos que, para essa arvore, não foi permitido a arte de crescer.

Se você olhar ao seu redor, vai perceber muitas pessoas, inclusive seus amigos e amigas, que tem “mente bonsai”, por algum motivos os “pês dessas pessoas, não permitiram o crescimento de suas mentes, pois elas estão sendo podadas continuamente com informações que tornam suas vidas menores – crenças limitantes.

Pare um momento e pense nessas frases:

“O dinheiro não trás felicidades”. O individuo que acredita nisso, vai ter dificuldade financeira e profissional e consequentemente vai ter uma vida medíocre. Em sua mente ficou registrado essa crença.

“Minha filha, cuidado com os homens, eles não prestam”. Quando uma mãe diz várias vezes isso para uma filha, ocorre uma programação em sua mente. Ela adquiri a crença de que, (homens não prestam).

Essa mãe que tem essa crença, colocou em sua mente algo que está podando suas possibilidades de ter realizações interessantes em sua vida amorosa.

Com certeza você já ouviu essas frases e outras mais.

Uma Boa Noticia Sobre “Pês”

As crenças não são verdadeiras, mas disfarçam muito bem de verdade. E nós vamos recebendo, seja ela em ditos populares ou de um outro jeito qualquer. O fato é que nossa vida vai se apequenando.

Temos também um pê programador. Esse pê chama-se programador pessoal.

Um filho observava seu pai fazendo a barba. Olhando de baixo para cima, ele seguia a lamina que descia e subia. De repente ele vê um mosquito pousado na parede. Ele corre e dá um tapa, prensando-o contra o azulejo. Ele ficou achatado, parecendo um “Kung-Fu”.

O garoto pergunta ao pai. Pai porque o mosquito morreu e ficou assim, desse jeito grudado na parede?

O pai respondeu:

Filho é porque o pai dele disse que quando ele morresse era para ele ficar assim. E, ele obedeceu. Eu não sei se você percebeu, mas naquele instante o pai do garoto estava passando a ele uma “crença”, uma programação de que devemos obedecer nossos pais até a morte.

Eu confesso que tenho também essa crença de obediência aos meus pais. Porém, você já deve ter percebido que pais também passam crenças negativas. Eu tive uma crença de pobreza, herdada da minha mãe e depois de adulto tive que reprogramá-la.

Dai eu falar em um dos meus e-books, “O Segredo Mental de Um Trader”, sobre a reprogramação mental. É preciso criar em nossa mente o perfil da pessoa que você deseja ser. Ninguém nasce com perfil de vencedor, esse perfil precisa ser criado, mas a maioria ignora essa atitude.

Tudo muda quando você decide reprogramar sua vida e sua mente. E é isso que devemos e precisamos fazer, bata e entre na porta do auto conhecimento. Observe quais crenças não funcionam para você e descarte-as. Note aquelas que dão certo e use o poder da auto programação.

Outro grande pensador escreveu e falou; “O mais importante não é o que fazem conosco, mas o que fazemos com aquilo que fazem conosco”.

Eu agradeço aos meus pais, filhos, alunos, professores, pastores e amigos que confiaram na minha capacidade e que me ajudaram a pegar os “Bonsais”, mentais, emocionais da minha mente e a colocá-lo de volta na terra. Você pode e deve fazer isso!

Nós temos esse poder de tornar grande, tornar gigante a arvore que se encontra dentro de nós. Devemos rejeitar ser um Bonsai na vida, na nossa existência, na nossa caminhada, na nossa passagem rápida pela terra.

Para terminar, você não pode esquecer que, além de ter “pês”, somos também “pês” programadores e reprogramadores, somos o “bem” e o bem pode mudar o mundo.

Se você aprender a colocar o “Bonsai” na terra, será eternamente lembrado. Estar conectados é isso, é ajudar seres humanos a colocar os Bonsais “mentais” que tem, no chão e transformarem em seres gigantescos!

Conclusão

O segredo para o nosso sucesso é você PENSAR, Napoleon Hill escondeu esse segredo em seu livro “Pense e Enriqueça”, ele destaca que o seu sucesso vem com uma “ideia”, que se torna um pensamento forte, virando um desejo ardente.

Ele destaca muito a mente subconsciente, como se ela fosse um jardim fértil, onde as ervas daninhas vão proliferar se sementes de espécies mais desejáveis não forem devidamente plantadas. A autossugestão é o agente de controle, pelo qual uma pessoa pode alimentar sua mente subconsciente com pensamentos criativos, ou, por negligência, permitir que pensamentos destrutivos ganhem espaço no rico jardim que é a mente.

Temos que estar muito atento ao jeito que pensamos, pois é ali que tudo se inicia, tudo começa.

Pensar somente, ter ideias, e querer,  não vai a lugar algum é preciso desejar ardentemente. Querer todos querem. É preciso ter fé e entrar em ação. Isso requer mudanças de padrões, comportamentos – paradigmas.

É na mente que enraizamos a crença de sermos persistentes e de que nunca vamos desistir. Nesse livro tem histórias incríveis de pessoas que erravam, mas não desistiam, como; Thomas Alvas Edson errou 9.999 antes de inventar a lâmpada, mas não desistiu.

Henry Ford, colocou na cabeça que ia criar uma carruagem sem cavalos e ambos eram pobres, porém, tinham algo em comum – a garra, a determinação. Cada um tinha reprogramado sua mente, e queimaram as pontes que ficaram para trás, ou seja, não tinha volta – era vencer ou vencer.

Mudanças…mudanças…mudanças, tudo está em nossa mente e com um passo podemos tomar posse e direção e dar um novo rumo para nossa história.

E para terminar, deixo com você a história de um homem que pensou em ser sócio de Thomas Alva Edson. Ele se chamava Edwin C. Barnes.

Há mais de trinta anos, Edwin C. Barnes descobriu que as pessoas realmente PENSAM E ENRIQUECEM. Essa descoberta não aconteceu numa tarde. Veio aos poucos, começando com um desejo ardente de se tornar sócio do grande inventor Thomas Alva Edson.

Uma das principais característica do desejo de Barnes era que ele era definido. Ele queria trabalhar com Thomas e não para ele. Observe com todo o cuidado, a descrição de como ele traduziu esse desejo em realidade e você terá uma melhor compreensão dos princípios de riquezas.

Quando esse desejo, passou pela primeira vez por sua cabeça, ele estava pronto para realizá-lo. Mas, havia duas dificuldades pelo caminho. Ele não conhecia Thomas. E, não tinha dinheiro para pagar a passagem de trem para Orange, em Nova Jersey.

Essas dificuldades seriam suficientes para desencorajar a maioria das pessoas. Mas, esse não era um desejo comum! Ele estava tão determinado a encontrar uma maneira de realizá-lo que acabou optando por viajar como bagagem desconhecida. Sim ele foi de trem de cargas.

Quando desceu do trem de cargas, ele parecia um vagabundo, um andarilho, mas os seus pensamentos era de um rei. Enquanto caminhava por entre os trilhos do trem até o escritório de Thomas A. Edson, sua mente estava a todo vapor.

Ele se apresentou no laboratório do Sr. Edson e anunciou que havia chegado para fazer negócios com o inventor.

Anos depois, comentando sobre o seu primeiro encontro com Barnes, Edson falou: “Ele ficou ali em minha frente, parecendo um vagabundo comum, mas havia algo na expressão dele que dava a nítida impressão de que ele estava determinado a conseguir o que queria.

E eu já sabia, de muito anos de experiência com as pessoas, que quando alguém realmente deseja uma coisa, com tanto vigor que está disposto a arriscar todo o seu futuro num único tiro, está destinado a ganhar.

Eu lhe dei a oportunidade que pedia, porque percebi que ele tinha metido na cabeça que ia ficar ali até conquistar o que queria.

E, os eventos subsequentes mostraram que eu não estava errado.

O que Barnes disse ao senhor Thomas naquela ocasião foi muito menos importante do que aquilo que ele pensou. O próprio Edson disse isso! Não pode ter sido a aparência do rapaz o que ascendeu a fagulha na sala de Edson. Porque isso o desfavorecia. Foi o pensamento que fez a diferença.

Mas, Barnes não se tornou sócio de Edson nessa primeira entrevista. O que ele conseguiu foi uma chance de trabalhar nas empresas do inventor. Com um salário muito baixo, cumprindo tarefas que não tinha importância para Edson.

Para Barnes o mais importante era a oportunidade de mostrar sua capacidade. Meses e anos se passaram e nada acontecia. Mas, Barnes continuava a intensificar seu desejo de se tornar sócio de Thomas.

Depois de cinco anos, surge a tão sonhada oportunidade, geralmente ela vem de um jeito estranho que mal percebemos. A oportunidade veio de uma direção que Barnes nem esperava. Thomas tinha acabado de inventar a “Maquina de Ditar Edson”.

Seu vendedores não acreditavam que pudessem vendê-la. Barnes percebeu sua oportunidade e não pensou duas vezes. Se ofereceu para vendê-la e vendeu-a.

Teve tanto sucesso com as vendas que Thomas o contratou para distribuí-las e vendê-las em todos os Estados Unidos. Dessa sociedade nasceu o slogan:  “Feito por Edson e instalado por Barnes”. A parceria se estendeu por mais trinta anos.

Com ela Barnes ficou riquíssimo, mas também conseguiu uma coisa infinitamente mais importante. Ele provou que alguém pode viver com base no “Pense e Enriqueça”.

Essa pequena história teve muitas mudança na vida de Edwin C. Barnes, de Thomas Alva Edson, de seus empregados que desperdiçaram uma rica oportunidade, na minha por escrever esse artigo e na sua por lê-lo.

Sua mente é poderosa! Treine-a, conduza-a para onde você deseja ir.

Se você gostou desse artigo, se você se identificou com ele compartilhe em sua rede sociais.

Curtam nossa pagina no Facebook

Que Deus te abençoe ricamente!

Dr. Carreira – Coach.

08/06/2017

 

Deixa seu email para receber dicas e estudos falando sobre "O mercado e as Sacadas De Um Estrategista Milionário da Bolsa"

Mentoria & Coaching Emocional Para Traders - Gratuito!!! - Entre em contato - WhatsApp 19-99424-3278

2 Comments

  1. Fabonacci trader

    Excelente Dr policiamento sempre na mente para evitar sabotagem de pensamento.

    • É muito interessante a poda do Bonsai se comparada com a poda que é feita em nós. E nós nem percebemos.

Deixar uma resposta